Logo
Imprimir esta página

Confraria Gastronómica promove arroz de aba de Cinfães

Confraria Gastronómica promove arroz de aba de Cinfães
Classifique esta informação
(0 votos)

A Confraria Gastronómica do Arroz de Aba de Cinfães promoveu, no passado dia 1 de junho, o VI Capítulo com a entronização de 7 novos confrades e um dia dedicado ao tema Serpa Pinto. A iniciativa que teve o apoio da Câmara de Cinfães contou com a presença de 19 confrarias vindas de vários pontos do país.

A cerimónia decorreu no Auditório Municipal, onde mais de uma centena de confrades tiveram a oportunidade de viajar pela vida do ilustre cinfanense, o explorador Serpa Pinto, pela voz de Noronha Nascimento, ex-presidente do Supremo Tribunal de Justiça, mas presente na qualidade de presidente da assembleia geral da Associação Cultural Serpa Pinto.

Antes da sessão, os participantes desfilaram pelas ruas da vila de Cinfães, desde o edifício dos Paços do Concelho até ao Auditório Municipal. O programa contemplou também um almoço numa unidade de restauração do Concelho onde os presentes puderam degustar um delicioso arroz de aba.

Participaram as confrarias: As Sainhas de Vagos; Saberes e Sabores de Coimbra; do Mar – Matosinhos; dos Velhotes; Papas de S. Miguel; Anho Assado com Arroz de Forno; Maça Portuguesa; Sabores da Abóbora; Presunto e Cebola do Vale do Sousa; Cabrito Estonado; Sabores do Botaréu – Águeda; Dão; Arouquesa; Cebolas – Maia; o Moliceiro; Lampreia de Entre-os-Rios; Pastinaca e do Pastel do Molho da Covilhã; Tripas – Porto; Filarmónica e Etnográfica de Carregal do Sal.

Criada a 17 de agosto de 2012, a Confraria Gastronómica do Arroz de Aba de Cinfães tem por objeto social a defesa, o prestígio, a valorização, a promoção e divulgação gastronómica: do arroz de aba de vitela arouquesa; das demais e ricas ofertas gastronómicas, quer sejam provenientes dos rios concelhios, quer sejam caça dos montes ou da silvo-pastorícia do Concelho e da doçaria típica e tradicional do Concelho, nomeadamente, os bolinhos de manteiga.

P&T