Município

A+ A A-

Prémio “Tâmega e Sousa Empreendedor – Onde as ideias se concretizam”

Classifique esta informação
(0 votos)

Com vista a potenciar o lançamento e visibilidade da rede de apoio à atividade económica e ao empreendedor, mas também captar novas ideias de negócio, premiar os melhores projetos empresariais e acima de tudo estimular o empreendedorismo no território, está aberto até 31 de março o Prémio “Tâmega e Sousa Empreendedor – Onde as ideias se concretizam”.

São 4 as categorias a concurso:

Categoria 1 – IDEIAS INOVADORAS E CRIATIVAS

-Premiar as melhores ideias de negócio que se desenvolvem na região (empresa não formalizada);
-Projetos que potenciem o aparecimento de novos produtos, novos processos produtivos, novos serviços, novas formas de comercialização ou novas abordagens de mercado na região;
-Potencial de desenvolvimento e exequibilidade num período máximo de 1 ano.

Promotores - Pessoas em nome individual, sem atividade iniciada, que tenham uma ideia de negócio a desenvolver no Tâmega e Sousa

Condições de participação - Ideias de negócio, em qualquer setor de atividade, em particular nas áreas de interesse para região, cujos promotores pretendam efetivamente desenvolver o projeto (constituição formal da atividade):
a. A sede da empresa a criar deve localizar-se na região;
b. Visem a constituição de novos negócios num espaço temporal bem definido (até 1 ano desde a comunicação oficial do prémio);
c. Sejam exequíveis e dentro dos limites legais;
d. O projeto tem de ser adequado ao mercado e ter viabilidade e sustentabilidade económica, em função da capacidade de autofinanciamento ou do recurso a capitais de outra natureza;
e. O grau de inovação do projeto ou da ideia, o seu potencial impacto em termos de competitividade, originalidade e valor para o desenvolvimento económico e social, deverão ser bem evidenciados.

Critérios de avaliação:
. Conceção, justificação e qualidade técnica do projeto;
. Grau de criatividade e de Inovação;
. Grau de desenvolvimento e apresentação;
. Operacionalização e sustentabilidade da Ideia;
. Interesse Estratégico para a região.

 

Categoria 2 – NOVAS EMPRESAS INOVADORAS

-Empresas já constituídas, até 3 anos;
-Inovação, criatividade, sustentabilidade e interesse estratégico para a região;
-Perspetivas elevadas de internacionalização dos seus serviços e/ou produtos.

Promotores - Empresários em nome individual ou coletivo que tenham atividade no Tâmega e Sousa, com atividade há menos de 3 anos.

Condições de participação - Negócios já existentes, em qualquer setor de atividade, em particular nas áreas de interesse para região, e que tenham atividade económica significativa na região:
a. A atividade da empresa deverá estar localizada na região da CIM Tâmega e Sousa.
b. Candidatos que tenham a situação regularizada junto da Administração Fiscal e da Segurança Social à data da candidatura.

Critérios de avaliação:
. Grau de criatividade e Inovação;
. Sustentabilidade do projeto;
. Interesse Estratégico para a região;
. Potencial de Internacionalização;
. Impacto económico, social e ambiental nos setores de atividade.

 

Categoria 3 – EMPRESAS DINÂMICAS

-Empresas já instaladas na região, com mais de 3 anos de atividade;
-Importância estratégica regional, criativas e inovadoras nos seus processos, produtos ou serviços;
-Forte dinâmica exportadora e impacto económico, social e ambiental.

Promotores - Empresários em nome individual ou coletivo que tenham atividade no Tâmega e Sousa, com atividade há mais de 3 anos.

Condições de participação - Negócios já existentes, em qualquer setor de atividade, em particular nas áreas de interesse para região, e que tenham atividade económica significativa na região:
a. A atividade da empresa deverá estar localizada na região da CIM Tâmega e Sousa.
b. Candidatos que tenham a situação regularizada junto da Administração Fiscal e da Segurança Social à data da candidatura.

Critérios de avaliação:
. Grau de criatividade e Inovação;
. Sustentabilidade do projeto;
. Interesse Estratégico para a região;
. Potencial de Internacionalização;
. Impacto económico, social e ambiental nos setores de atividade

 

Categoria 4/Criativa – FOTOGRAFIA

-Retratar as singularidades da região do Tâmega e Sousa (a paisagem, a cultura, as tradições e as pessoas, respondendo ao repto “Tâmega e Sousa Único”);
-Premiar a fotografia que melhor traduza as diferenças e singularidades da região do Tâmega e Sousa;
-Concurso de âmbito nacional.
Promotores - Pessoas maiores de idade, em nome individual ou coletivo.

Condições de participação:
a. As fotografias devem representar a região da CIM Tâmega e Sousa ou produtos, atividades, ou outros elementos claramente ligados à região;
b. Não poderá ser apresentada nenhuma fotografia cujos direitos de propriedade intelectual não pertença integralmente, e sem qualquer exceção, ao participante;
c. Cada participante poderá apresentar a concurso até três trabalhos (fotografias);
d. Caso o mesmo participante envie mais do que três fotografias, apenas serão avaliadas as três primeiras fotografias recebidas;

Critérios de avaliação:
. Adequação ao tema proposto;
. Criatividade;
. Qualidade Técnica;
. Limites da edição digital.Mais informações em http://empreendedor.cimtamegaesousa.pt ou num balcão do empreendedor perto de si.